GTA

Estudantes no Ontário regressam às aulas depois de cinco semanas de greve das faculdades

Os alunos estavam a regressar esta manhã à sala de aula, após uma greve de cinco semanas em 24 faculdades do Ontário.

Os professores voltaram às escolas na segunda-feira em preparação do retomar das aulas, depois da aprovação no fim de semana de legislação que exigia o regresso ao trabalho.

A greve de longa duração levou as faculdades a prolongar o semestre de outono este ano, uma decisão que Jen McMillen, o Reitor dos Estudantes do Humber College, disse que facilitará a gestão do curso por parte dos alunos.

Aproximadamente 500 000 estudantes foram afetados, depois que 12 000 membros de faculdades abandonaram o trabalho no dia 15 de outubro.

O governo provincial havia anteriormente instruido as faculdades para criar um fundo para estudantes com o dinheiro salvo da greve e, na segunda-feira, a província disse que os estudantes que querem retirar-se da escola podem solicitar um reembolso total da propina.

Os alunos terão duas semanas para decidir se querem continuar com o semestre.

Aqueles que optarem por permanecer nos seus programas podem formalizar um pedido para receber até 500 dólares por custos inesperados incorridos durante a greve.

Enquanto isso, o Sindicato dos Funcionários da Função Pública do Ontário (OPSEU), que representa o pessoal em greve, e o College Employer Council, que representa as 24 faculdades do Ontário, serão agora encaminhados para arbitragem vinculativa de mediação para decidir os detalhes de um novo contrato.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER