DesportoFutebol

Cristiano Ronaldo na 11.ª fase final por Portugal

Cristiano Ronaldo na 11.ª fase final por Portugal

Cristiano Ronaldo foi chamado esta quinta-feira para uma 11.ª fase final de uma grande competição de seleções, numa lista de 26 futebolistas para o Euro2020 com cinco estreantes absolutos e mais cinco em Europeus ou Mundiais.

O avançado, que conta 173 jogos e 103 golos na seleção nacional, vai capitanear a equipa, repetindo as presenças nos Europeus de 2004, 2008, 2012 e 2016, nos Mundiais de 2006, 2010, 2014 e 2018, mais a Taça das Confederações de 2017 e a Liga das Nações de 2019.

Em contraponto, o guarda-redes Rui Silva, o defesa Nuno Mendes e os médios Palhinha, Sérgio Oliveira e Pedro Gonçalves, este último pela primeira vez numa convocatória, são estreantes absolutos, pois nunca estiveram em nenhuma destas competições.

Nélson Semedo participou na Taça das Confederações e na Liga das Nações, prova cuja fase final se realizou em Portugal e na qual também foram lançados João Cancelo, Rúben Neves, Diogo Jota e João Félix.

O jogador da Juventus é o recordista, enquanto Pepe vai para a nona fase final, pois não falha uma competição desde que marcou presença no Euro2008, e Rui Patrício e João Moutinho para a oitava, pois também começaram em 2008, mas, pelo meio, falharam o Mundial de 2010.

Para William Carvalho, será a sexta fase final, todos desde o Mundial de 2014, no qual ainda não estiveram José Fonte e Raphaël Guerreiro, que começaram no Europeu de 2016 e não mais pararam.

Um trio vai para a quarta presença, mas em provas distintas, pois Bernardo Silva esteve nas últimas três, depois de falhar, por lesão, o Euro2016, no qual estiveram Rafa, que também marcou presença no Mundial de 2014 e na Liga das Nações de 2019, e Danilo, igualmente presente na Taça das Confederações de 2017 e na fase final realizada em solo luso.

Nas duas últimas provas, estiveram Rúben Dias, Bruno Fernandes e Gonçalo Guedes, Anthony Lopes marcou presença nas duas últimas ‘grandes’ competições, o Euro2016 e o Mundial2018, no qual também participou André Silva, depois da Taça das Confederações.

Quanto a Renato Sanches, estreou-se, ainda menino, no Europeu de 2016, no qual encantou, marcando até um golo, mas, depois, num trajeto marcado por várias lesões e que não teve a ‘explosão’ prevista, falhou as últimas três.

No que respeita ao Euro2016, que Portugal venceu, são, aliás, 11 os repetentes, nomeadamente Rui Patrício, Anthony Lopes, Pepe, José Fonte, Raphaël Guerreiro, Danilo, João Moutinho, William e Renato Sanches, Rafa e Cristiano Ronaldo.

JN

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER