Madeira

Fábrica de Santo António exporta 20% da produção

O vice-presidente do Governo Regional, Pedro Calado, visitou, esta quarta-feira (28 de Agosto), a Fábrica Santo António, no Funchal, dando continuidade à iniciativa ‘Empresas com Proximidade’.

Pedro Calado elogiou esta empresa tradicional com origem familiar, fundada em 1893 e “que já vai na 5.ª geração”, considerando-a como “um bom exemplo de como se tenta preservar aquilo que é característico da Madeira”.

“É isto que nós queremos preservar, não é só a massificação da produção”, vincou o governante, referindo a título de curiosidade que a fábrica ainda mantém as máquinas de origem. “A máquina de fabrico da bolacha Maria daqui da fábrica de Santo António tem 125 anos e ainda trabalha”, apontou.

O vice-presidente do Governo Regional destacou ainda que, tendo enfrentando dificuldades económicas que quase a levaram a “fechar as portas” há dez anos atrás, a Fábrica Santo António, “foi uma empresa que soube modernizar-se e superar as dificuldades e é já uma referência com 18 trabalhadores que temos aqui na nossa economia”.

Com efeito, “20% desta produção já enviada para o continente e o Reino Unido”, revelou o governante, acrescentando que a loja desta empresa, no centro do Funchal, também já é “uma atracção turística”.

Quando questionado sobre eventuais apoios a esta empresa, Calado sublinhou que “as empresas para sobreviverem não precisam de ter apoio de Governo”.

Pedro Calado visitou, esta quarta-feira, a Fábrica Santo António, no âmbito da iniciativa ‘Empresas com Proximidade.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER