ViagensBlog

Lisboa menina e moça

Lisboa  menina  e moça-portugal-mileniostadium
Ponte 25 de Abril – Créditos: DR

“ Lisboa menina e moça, menina…

“….Cidade a ponto luz bordada,  Toalha à beira mar estendida, Lisboa menina e moça, amada, Cidade mulher da minha vida”

Assim é a letra do fado que fala desta cidade que se estende das suas sete colinas até ao rio Tejo. Quem conhece várias cidades europeias não desmente que a entrada em Lisboa pelo sul é das mais belas da Europa. O Cristo Rei olha a cidade e a Ponte 25 de Abril une as duas margens, sonho antigo de quem viveu Lisboa e durante séculos tinha como possível ligação a travessia por barco entre as margens. O Cristo Rei recorta o horizonte abraçando o Tejo e a cidade que o olha desde 1959, ano da sua inauguração. Erigido como voto de Portugal ser poupado às agruras da II Guerra Mundial, que foi, já que não participou na guerra, este Cristo de braços abertos consagrado ao Sagrado Coração de Jesus olha-nos nos olhos e encanta-nos com a sua grandeza a 110 metros do solo.

A Ponte 25 de Abril leva-nos até Ele. Data de 1966 a sua inauguração, sendo à altura a maior ponte suspensa da Europa com 2277 metros. A sua construção foi adjudicada à Unites States Steel Export Company. Teve como primeiro nome Ponte Salazar, presidente do Conselho de Ministros na altura, tendo sido alterado em 1974, tomando o nome da revolução que ocorreu a 25 de abril desse ano. A ponte é também um dos símbolos da cidade de Lisboa e é reconhecida a sua grande semelhança com a Golden Gate.

O Cristo Rei e a Ponte 25 de Abril são um maravilhoso postal desta cidade de onde vos escrevo.

Luísa silva Geraldes/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER