Entretenimento

Morreu o ator João Ricardo

O ator faleceu esta quinta-feira aos 53 anos, avançou a TVI.

João Ricardo morreu esta quinta-feira aos 53 anos no hospital de Santa Maria, em Lisboa. A notícia foi avançada pela TVI.

O ator estava internado desde esta quarta-feira, 22 de novembro, e sofria de um tumor cerebral. Tinha sido operado em outubro depois de se ter sentido mal durante as gravações da novela “Rainha das Flores”.

À revista VIP, um familiar do ator tinha dito que se estaria “à espera do pior”.

Um ano depois de ter sido submetido a uma operação para a remoção de um tumor na cabeça, João Ricardo tinha iniciado uma nova fase de tratamentos, revelou a sua agência, em outubro, em comunicado partilhado no Facebook.

“Para evitar todas as deturpações e especulações sobre o estado de saúde do actor João Ricardo informo que o tumor reapareceu e que o actor está em fase de tratamentos. Por ser uma doença complicada quero pedir a todos que respeitem esta fase menos boa da sua vida”, frisaram os representantes do ator de 53 anos em comunicado.

Em entrevista a Daniel Oliveira no programa da SIC “Alta Definição”, emitido no final 2016, o ator disse que a vida “tinha sido generosa” com ele e que “toda a gente temeu” que morresse. “Percebi que as pessoas gostam de mim”, acrescentou na altura.

Daniel Oliveira foi dos primeiros a deixar a sua homenagem na sua página de Facebook:

O velório do ator deverá realizar-se esta sexta-feira.

Uma carreira na televisão, no teatro e no cinema

João Ricardo fez parte do elenco de várias produções nacionais, tendo-se estreado em televisão em 1998 em “Caixa Alta” (RTP1) , série de Tozé Martinho e Manuel Arouca. No canal público, participou ainda em “Mistérios de Lisboa” (1995), “Nós os Ricos” (1996) ou “Voo Directo” (2010).

Em 2003, o ator estreou-se na TVI na novela “Coração Malandro”. “Mundo Meu” (2005), “Tempo de Viver” (2006) e “Equador” (2008) foram outros dos trabalhos de João Ricardo no canal de Queluz de Baixo.

O ator mudou-se em 2008 para a SIC, onde trabalhou em exclusividade até à sua morte, tendo gravado este ano a novela “Espelho d’Água”. “Podia Acabar o Mundo” (2008), “Laços de Sangue” (2010), “Sol de Inverno” (2014), “Mar Salgado” (2014) e “Rainha das Flores” (2016-2017) foram algumas das produções da estação de Carnaxide em que João Ricardo participou.

João Ricardo encenou também peças de teatro como “Sonho de Uma Noite de Verão” e “A Ilha Encantada” e interpretou peças como Ricardo II (2007) e Hamlet (2007). Em 2002 encenou o monólogo “A Voz Humana” com Florbela Oliveira.

Participou também no cinema em filmes como “Os Meus Espelhos”, de Rui Simões, “A Costa dos Murmúrios”, de Margarida Cardoso, ou “A Passagem da Noite”, de Luís Filipe Rocha.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER