Temas de CapaBlog

Naturopatia: Naturalmente saudável

milenio stadium - Nadia Brito Pateguana

 

A naturopatia é, por definição, a terapêutica que estuda as propriedades e aplicações dos elementos naturais, a fim de prevenir doenças e manter, promover e restaurar a saúde, recorrendo ainda ao, muito importante, aconselhamento dietético naturopático e à orientação sobre estilos de vida. A naturopatia distingue-se por usar apenas técnicas medicinais de cariz natural – acreditando que assim não haverá efeitos secundários e que o corpo, aqui olhado como um todo, consiga naturalmente curar-se, identificando e tratando as causas do problema que surja, seja ele qual for, não tendo como preocupação eliminar apenas os sintomas, mas sim procurar encontrar o que provocou o desequilíbrio.

A saúde e a doença resultam da influência e interação de um conjunto de fatores que podem ser físicos, mentais, ambientais, genéticos, sociais etc, sendo que a naturopatia incentiva a que se opte por um desenvolvimento espiritual para que se consiga conjugar todos estes fatores no momento em que se procura saúde em plenitude.
O naturopata indica ao seu paciente quais as vias naturais para a obtenção de cura ou melhoria e prevenção da doença. São utilizadas muitas técnicas de diagnóstico, tanto ocidentais como orientais, e métodos que se baseiam no uso de produtos alimentares, plantas medicinais e seus derivados, aromaterapia, etc. Mas, tal como nos explica Nadia Brito Pateguana, Health Consultant, cada naturopata tem a sua forma de atuar.

Importante dizer que a prevenção da doença e o alcance da saúde em plenitude no paciente são os objetivos principais da medicina naturopática. Estes objetivos são atingidos através da educação e da promoção de hábitos de vida saudáveis.

No entanto, há uma nota importante, também reforçada pela profissional de saúde com quem falámos esta semana: a naturopatia deve ser procurada como medicina complementar em casos de doenças consideradas urgentes ou de cariz mental – nunca se deve descartar a medicina convencional para que a nossa saúde seja restabelecida da melhor forma possível.

Nesta edição do jornal Milénio Stadium, procurámos saber de que forma a naturopatia pode ajudar no processo de se restabelecer o peso ideal quando assim é preciso.

milenio stadium - Nadia Brito PateguanaMilénio Stadium: De que forma a naturopatia pode ajudar alguém que enfrenta algum problema relacionado com o seu peso?
Nadia Brito Pateguana: Primeiro é preciso salientar que nem todos os naturopatas são iguais e nem sequer praticam as mesmas modalidades. No meu caso, o meu foco é a nutrição e a prática de jejum intermitente. A maior vantagem da medicina naturopática é que esta é uma modalidade que olha para o paciente como um elemento inteiro. Por outras palavras, a medicina naturopática não olha só para um órgão, nem para nenhuma condição com uma única perspetiva. Também é preciso observar o paciente e perceber qual a raiz do problema e não simplesmente receitar um medicamento ou um suplemento como um “penso rápido”. No caso da obesidade, é preciso perceber o porquê de a pessoa engordar e como ajudar o organismo a queimar gordura ao invés de armazenar ainda mais gordura.

MS: Na perspetiva de um naturopata, para além da componente alimentar, que outras técnicas/métodos podem ser usados para ajudar no processo de perda ou ganho de peso?
NBP: Existem vários componentes essenciais. Eu chamo a estes de “pilares”. Primeiro, perceber “como comemos”, quantas vezes ao dia comemos e a que horas comemos. Depois então observar “o que comemos”. Por último, é necessário ter atenção à qualidade e quantidade de sono e moderar o stress. O exercício é um método especialmente importante para ajudar com o sono e stress no processo de perda de peso.

MS: Associado ao excesso de peso ou obesidade começam a aparecer, normalmente, problemas de índole físico. De que maneira a naturopatia pode também ajudar nesse caso?
NBP: Mais uma vez é necessário ir sempre à raiz de cada problema e tentar perceber e resolver. Por exemplo, no caso de problemas de saúde como diabetes, hipertensão e outros frequentemente associados com problemas de obesidade, o problema de raiz normalmente é a resistência à insulina. Para resolverem estes problemas de uma maneira eficiente e de raiz é necessário reduzir o excesso de produção de insulina através duma alimentação correta.

MS: A saúde mental é outra das componentes que está associada àqueles que têm problemas com o seu peso – a naturopatia pode, também, contribuir nessa área? Se sim, de que forma?
NBP: A saúde mental é uma área extremamente séria e complexa. Normalmente é recomendável que os pacientes e naturopatas trabalhem sempre com os profissionais de saúde adequados, quando necessário. A medicina naturopática deve sempre ser uma medicina complementar e não alternativa quando se trata de problemas urgentes e agudos e quando se trata da saúde mental. Existem sim terapias dentro do leque da medicina naturopática que podem apoiar a terapia convencional como por exemplo a acupuntura, a homeopatia etc. A alimentação em si também por vezes pode ter um efeito no humor dos pacientes.

MS: Há um negócio associado ao peso – são inúmeros os produtos que aparecem como sendo a solução para ajudar a obter o peso ideal. Qual é a sua opinião acerca desses métodos?
NBP: A minha opinião é exatamente essa, que dentro da indústria alimentar nós as pessoas somos as maiores vítimas, infelizmente, e a maior prova está no efeito que os produtos processados alimentares tiveram na nossa saúde nas últimas décadas. Ultimamente o foco em saúde e comer de uma forma mais “saudável” levou este negócio a focar então em produtos alimentares dietéticos (processados) e uma indústria gigante de suplementos. É necessário estar atento a este movimento, e ao invés de optar por outros alimentos processados escolher “alimentos verdadeiros” e “comida de verdade”.

MS: Há ou não produtos – mesmo que de origem natural – a ajudar neste processo de recuperação de peso ideal?
NBP: Na minha opinião, esta é uma questão muito individual. O foco deve estar primeiro na alimentação, exercício físico, reduzir o stress e melhorar o sono.

MS: Que mensagem pode deixar a pessoas que podem estar neste momento sem esperança em obter o peso que desejam?
NBP: É necessário muitas vezes sairmos da nossa zona de conforto para obter o sucesso que desejamos. Não vale a pena tentar a mesma táctica vezes sem conta e esperar obter novos resultados. Hoje em dia as redes sociais por vezes ajudam a obter algum apoio e algumas dicas, mas também podem por vezes criar muita confusão e desorientação. Procure um profissional quando for preciso.

Catarina Balça/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER