Temas de CapaBlog

“É difícil fazer malabarismos entre casa e trabalho” – Lisa Raitt

MILENIO STADIUM - BOSS - LISA RIATT

 

Lisa Raitt é a atual vice-presidente da banca de investimento global do CIBC, um banco canadiano que serve mais de 11 milhões de clientes no Canadá, EUA e em todo o mundo e que emprega 44.000 pessoas. Mas antes de ocupar uma posição importante num dos maiores bancos da América do Norte, Raitt destacou-se na política canadiana.

Lisa serviu na Câmara dos Comuns durante 11 anos, de 2008 a 2010. Ela serviu no Ministério dos Recursos Naturais durante a crise económica de 2009 e liderou consultas com as partes interessadas no setor energético, florestal e mineiro.

Como ministra do Trabalho entre 2010-2013, Raitt defendeu a saúde mental no local de trabalho, apoiando o desenvolvimento do National Standard of Canada for Psychological Health and Safety in the Workplace, o primeiro do seu género no mundo.

Em julho de 2013, poucos dias depois do descarrilamento de um comboio no Quebec, foi nomeada ministra dos Transportes. Raitt foi responsável pelo desenvolvimento e execução da complexa resposta transfronteiriça a esta catástrofe e reviu a Lei dos Transportes do Canadá.

Em 2015, Raitt foi nomeada Crítica Financeira da Oposição Oficial e em 2017 tornou-se Líder Adjunta da Oposição Oficial e Líder Adjunta do Partido Conservador do Canadá. Em 2018, foi nomeada Crítica de Justiça da Oposição Oficial.

Numa entrevista ao Milénio Stadium sobre o papel da mulher na sociedade atual, Lisa Raitt salientou que gostava de ver mais mulheres em posições cimeiras no mundo empresarial. “A Air Transat e a CN Rail anunciaram recentemente CEO’s femininos e isso envia uma forte mensagem”, disse. Para a atual vice-presidente da banca de investimentos global do CIBC, “as mulheres têm as mesmas competências financeiras e (na minha opinião) têm um serviço ao cliente e competências multitarefas superiores”.

MILENIO STADIUM - BOSS - LISA RIATT Milénio Stadium: Temos mulheres suficientes em posições de poder no Canadá?
Lisa Raitt: Gostaria muito de ver mais mulheres como CEO’s no setor corporativo canadiano e estou contente por ver que isso está a começar a acontecer. A Air Transat e a CN Rail anunciaram recentemente CEO’s femininos e isso envia uma forte mensagem.

MS: Carreira e maternidade continuam a ser um problema hoje em dia ou isso é um problema do passado?
LR: É difícil fazer malabarismos entre casa e trabalho – tanto para mulheres como para homens. Nos últimos dois anos vimos que as pessoas podem ser igualmente produtivas a partir de casa. Desde que as mulheres não sejam punidas por quererem flexibilidade, trabalhar a partir de casa alguns dias por semana seria uma forma de ajudar o malabarismo a ser um pouco mais controlado.

MS: Como vice-presidente da banca de investimentos global do CIBC, sente que está a abrir caminho para a próxima geração de mulheres?
LR: Tendo apenas esse título, as mulheres que trabalham no CIBC podem ver que as mulheres podem avançar na Banca de Investimento e que este é um campo em que podem encontrar satisfação. Quero ver mais mulheres neste campo porque as posições são muito bem recompensadas. Não há razão para que tenhamos uma percentagem tão baixa de mulheres no setor – as mulheres têm as mesmas competências financeiras e (na minha opinião) têm um serviço ao cliente e competências multitarefas superiores.

MS: O seu marido foi diagnosticado com a doença de Alzheimer em 2016. Como foi a experiência como prestadora de cuidados? Sentiu pressão para ficar mais tempo em casa e cortar nas horas no escritório?
LR: Não senti pressão para passar mais tempo com Bruce (Wood). Sabia que só teria quatro anos para poder viajar e desfrutar do tempo com ele até que ele não tivesse a capacidade de fazer estas atividades comigo. Reduzi o meu tempo em Otava e o tempo que passei a ir a eventos comunitários. Com isto tornei-me um alvo de críticas, mas nunca me arrependi da escolha.

MS: Qual é o seu conselho para o empoderamento das mulheres?
LR: Se quer algo, tem de o pedir. Ninguém consegue ler a sua mente.

Joana Leal/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Não perca também
Close
Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER