Temas de Capa

As influências do século XXI

escolhas cristina da costa - milenio stadium

 

Olá a todos,
Pois bem, cá estamos… hirtos e prontos para mais uma jornada. Desde já desejos de uma sexta-feira tranquila e um fim de semana saudável e leve.

Mais um mês a findar e daqui a pouco nem damos conta que o verão entra rápido e sai feroz, porque a primavera, no nosso calendário destas paragens, anda esquiva. Vamos lá entender… Nem queremos. A Mãe-Natureza controla e há-que respeitar hoje e sempre. Deu-nos fortes provas disso no passado fim de semana com um mini-tornado que passou aqui por nós e para além de me afetar, afetou milhares de famílias deixando-as sem energia elétrica até hoje. Mortes e destroços espalhados pela cidade e zonas circundantes. Assim estamos. Sempre em movimento. Estes últimos dois anos sem tréguas. A nova virose que se está a espalhar pelo mundo, Monkey Pox, já tem dois casos confirmados aqui em Toronto. Cautela, por favor. Também é algo para levar muito a sério.

Tocamos agora noutros temas, até porque precisamos de algo que nos faça sorrir e nos lembre que também existem coisas boas a acontecer no seio da nossa comunidade.

A semana das celebrações da Diáspora e do Dia de Portugal, de Camões e das comunidades lusófonas espalhadas pelo mundo, está prestes a chegar. Após dois longos anos de interregno e por razões muito óbvias, o Portuguese Canadian Walk of Fame está de volta.

A junção de nomes e builders dos dois anos em falta, a necessidade da comunidade conhecer e dar a conhecer nomes que, até então, eram puramente desconhecidos, confesso alguns para mim ainda o são. Portugueses que vingam na orla do sucesso sem nada nos dizer e não têm de… Mas é muito gratificante saber que temos cada vez mais nomes e instituições lusas a vingar e a alcançarem posições louváveis. Fico feliz por saber que estamos cada vez com o pé mais além. Que as barreiras da educação estão a ser cada vez mais derrubadas. “Impossible is nothing“. Escrito por Iggy Azálea, frase mais honesta e verdadeira – Querer é poder.

E já que estamos em vésperas de mais uma celebração na Camões Square, vou ter a audácia, com humildade sempre, de perguntar e até gostava de obter resposta – os recipientes deste louvor, que é uma honra mesmo ter uma estrela com o seu nome no passeio da fama na nossa comunidade, que orgulho sentem? Deveriam. Porque não é qualquer pessoa que tem a destreza e também a audácia de ir mais além. De se destacar, ir à luta pelos seus próprios meios. E não só viver na sombra de outros a aguardar que se lhes dê tudo de mão beijada. A isto está a nossa comunidade habituada. Não na globalidade, mas numa grande parte. Falar é fácil. Já estender a mão e arregaçar as mangas. Uhhhh…, só para alguns.

E deixando de parte a relação que nos une, aproveito para elogiar o meu marido, Manuel DaCosta, pelo tanto que tem feito por esta comunidade sem nunca, mas nunca, eu sou testemunha, esperar nada em troca. Quantas e quantas pessoas tem ajudado. Sempre humilde e sem segundas intenções. Ele sim um dos verdadeiros merecedores de uma estrela no Passeio da Fama. E espero que o façam enquanto ele a possa ver. Ele sim merece e dá valor aos verdadeiros valores. É um verdadeiro influencer na nossa comunidade. Sempre a elevar quem tem medo de dar o próximo passo.

Vamos lá, sair da caixinha com a porta semi-aberta e poucas janelas. Com quase 70 anos no regaço. Já está na hora desta comunidade, lutadora e ambiciosa, que vive nesta linda província dar a volta por cima. Deixar de criticar quem algo faz e pôr mãos à obra.

É o que é e vai sempre valer o que vale.
Bom fim de semana e muita saúde a todos.
Mais não digo,
Até já,

Cristina da Costa/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER