Portugal

“Língua covid”: médicos espanhóis identificam mais um sintoma de infeção

A member of the public takes a swab for a coronavirus test at a temporary COVID-19 testing facility, part of surge testing for the South African variant of Covid-19, in West Ealing, west of London, central England on February 4, 2021. – The highly transmissible variant first identified in South Africa is spreading rapidly around the world, and was last week detected for the first time in the United States. (Photo by Tolga Akmen / AFP)

Uma equipa de dermatologistas analisou 666 pacientes covid e concluiu que mais de 25% apresentava alterações na mucosa oral, um novo sintoma que poderá ajudar na deteção da doença.

Quando a primeira vaga da pandemia aumentou a pressão hospitalar em Espanha, na primavera de 2020, muitos blocos operatórios tiveram de ser encerrados para acolher doentes críticos com covid-19.

Confrontada com o cancelamento de inúmeras cirurgias a pacientes com cancro da pele no Hospital Universitário La Paz, em Madrid, a dermatologista Almudena Nuño González decidiu apresentar-se como voluntária no hospital de campanha montado no recinto da Instituição de Feiras de Madrid (IFEMA). Escusado será dizer que a médica não conseguiu deixar de olhar para os doentes infetados enquanto dermatologista, tendo identificado um novo sintoma da infeção: a “língua covid”.

Encontrámos algumas alterações que até então não tinham sido relacionadas com a covid-19: uma língua dilatada, como se estivesse inchada, na qual se veem marcas dos dentes, e que também pode estar depapilada, com zonas do dorso com pequenos buraquinhos e as papilas achatadas“, explicou Almudena, ao El País, acrescentando tratar-se de “uma língua com manchas rosadas“.

O estudo, realizado entre 10 e 25 de abril de 2020, incidiu em 666 doentes covid, com idade média de 56 anos, e foi publicado no British Journal of Dermatology. A análise dos médicos mostra que mais de 25% dos pacientes revelaram alterações na mucosa oral.

Saiba mais no JN

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER