Mundo

Federação Americana de Luso-Descendentes condecora personalidades em Portugal

Condecoração - milenio stadium
O historiador Daniel Bastos (centro.), acompanhado de Miguel Reis (esq.), presidente da Câmara Municipal de Espinho, e Jany Moreira, presidente da Federação Americana de Luso-Descendentes, no decurso da cerimónia de condecoração no Centro Social Luso Venezolano. Créditos: DR.

 

A Federação Americana de Luso-Descendentes, uma das mais relevantes instituições da comunidade portuguesa na Venezuela, que tem como principal missão preservar e difundir a cultura e língua portuguesa, e entrelaçar as relações de amizade entre Portugal e a Venezuela através dos valores da união e solidariedade, condecorou na passada terça-feira (5 de julho), várias personalidades cuja intervenção cívica, política ou profissional tem sido norteada em prol da comunidade luso-venezuelana.

No decurso da cerimónia, que se realizou no Centro Social Luso Venezolano, sediado no concelho de Santa Maria da Feira, no âmbito da celebração do Dia da Independência da Venezuela, o presidente da Federação Americana de Luso-Descendentes, Jany Moreira, condecorou o historiador Daniel Bastos, colaborador do jornal Milénio Stadium com a Ordem Luís Vaz de Camões, por via do relevante apoio que a Fundação Nova Era Jean Pina, da qual o escritor e historiador é representante junto da diáspora, destinou à comunidade luso-venezuelana na última quadra natalícia.

Nesta cerimónia foram igualmente condecorados os presidentes da Câmara Municipal de Espinho, e de Santa Maria da Feira, autarquias que têm cimentado relações de amizade e solidariedade com a comunidade portuguesa na Venezuela, que é constituída por uma parte importante de emigrantes naturais destes concelhos do distrito de Aveiro. Assim como, o Centro Social Luso Venezolano, um clube que homenageia os muitos emigrantes que saíram desta zona do país para a Venezuela, e o professor e artista Francisco Goulão, cujos trabalhos têm construído pontes culturais entre a cidade de Espinho e a comunidade portuguesa na Venezuela.

Daniel Bastos/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER