GTA

Unifor e General Motors veem luz ao fundo do túnel

A Unifor afirma que suspendeu uma campanha contra a General Motors devido a conversas produtivas com a empresa sobre o futuro da fábrica de montagem em Oshawa.

O sindicato diz que a empresa está certa de que não ampliará a fabricação de veículos em Oshawa até o final do ano, mas que há potencial para transformar operações para manter alguns empregos.

O presidente do sindicato, Jerry Dias, que se sentou na terça-feira (19) com altos funcionários da GM em Detroit, revelou poderão chegar a um acordo dentro de algumas semanas, embora não partilhe mais detalhes.

“Isto é sobre manter um footprint e é sobre estar em posição de construir para o futuro. Por isso sinto-me mais otimista. ”

Disse ainda que não está claro como as negociações terminarão, mas que o plano é maior do que manter prédios vazios. “Estamos a ter conversas muito importantes com a General Motors sobre uma correção a curto prazo e um plano de longo prazo”.

O sindicato diz que, devido às conversas positivas que começaram a 25 de fevereiro, decidiram suspender a campanha contra a empresa. O sindicato publicou vários anúncios, incluindo um da Super Bowl no Canadá, que criticava a falta de lealdade da empresa aos trabalhadores canadianos e que incentivava o público a boicotar os veículos GM construídos no México.

NFR/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER