GTA

TTC diz que mulher que foi empurrada para linha de metro na Bloor-Yonge em abril estava demasiado perto da área de embarque

TTC diz que mulher que foi empurrada para linha de metro na Bloor-Yonge em abril estava demasiado perto da área de embarque-Milenio Stadium-GTA
CBC

O TTC diz que a mulher que processou a empresa depois de ter sido empurrada para a linha do metro na estação de Bloor-Yonge há 2 meses foi negligente porque estava demasiado perto da área de embarque.

O acidente aconteceu a 17 de abril e a defesa da mulher acusa o TTC de estar a tentar atribuir a culpa à vítima. Segundo o advogado, “é como culpar uma vítima de violação por usar uma saia curta”. Edith Frayne de 45 anos foi acusada de tentativa de homicídio um dia depois do acidente.

A mulher que foi empurrada para a linha do metro exige ao TTC $1 milhão de dólares em indemnização. O advogado disse que a atenção que o incidente recebeu, em conjunto com o vídeo que circulou nas redes sociais, convenceria o TTC de que é injusto culpar a sua cliente pelo que aconteceu.

A defesa justifica ainda que desde que o acidente aconteceu a empresa não implementou protocolos de segurança suficientes para tentar impedir outros acidentes. O TTC alega que a vítima conhecia a mulher que a empurrou, mas a defesa argumenta que a sua cliente não conhecia a mulher de 45 anos.

Milénio Stadium

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER