Comunidade

Minho em festa com grande noite de Santoinho

Cerca de duas mil pessoas viveram intensamente o arraial minhoto organizado pela Associação Cultural do Minho de Toronto (ACMT), novamente no Hangar do Downsview Park. Além dos ingredientes típicos da cultura minhota, a festa foi engrandecida com as presenças de Valdemar Cunha, filho de António Cunha, o criador do Santoinho, do emblemático grupo musical Clipers e do carismático cantador ao desafio e tocador de concertina Augusto Canário.

O espaço do Arraial de Santoinho recebe todos os anos milhares de portugueses e muitos turistas de vários países, principalmente da Europa, ávidos de visitar Portugal e a região de Viana do Castelo para participar e testemunhar uma festa onde se vive o verdadeiro espírito da romaria minhota.

Em verdade, há muito que a festa do arraial de Santoinho deixou de se confinar apenas ao seu espaço em Darque. O espírito da romaria e a alegria da festa que todos os anos contagia milhares de pessoas é replicado com sucesso em várias comunidades espalhadas pelo mundo.

Deste lado do Atlântico, esse papel tem estado a cargo da ACMT que há 20 anos vem realizando esta grande noite, onde não falta a ementa tradicional com as sardinhas, bifanas, a broa, a doçaria regional, o caldo verde e o famoso champarrião.

Um cartaz promocional do Santoinho, que faz 45 anos, uma referência para a região e para o país, cuja época abre em finais de maio e se estende habitualmente até novembro.

Leia a reportagem completa na edição em papel do jornal Milénio desta próxima sexta-feira.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER