Comunidade

Casa das Beiras diz adeus a sede com arraial à portuguesa

milenio stadium - casa das beiras

 

O número 34 da Caledonia Rd. guarda histórias e memórias dos 22 anos em que serviu como sede da Casa das Beiras, importante centro cultural da comunidade portuguesa de Toronto. O clube agora terá um novo endereço e para se despedir em alta organizou no passado final de semana (4 e 5 de junho) um arraial à portuguesa. “Chegou a hora de nos despedirmos daqui, então a maneira mais simpática de fazermos isso era organizar uma festa desse tipo, ao ar livre, para reunir as pessoas”, destacou o presidente do Clube, Bernardino Nascimento, à nossa reportagem.

milenio stadium - casa das beiras
Bernardino Nascimento

O bom tempo colaborou e a comunidade aderiu ao chamado. Cerca de 400 pessoas passaram por ali para conferir as atrações musicais de mais de 10 artistas e grupos e desfrutaram dos sabores beirões, com um cardápio variado para servir a todos os gostos: rancho à moda das Beiras, bifana, sardinha assada, churrasco, caldo verde, chouriço, entre outros. “Muita alegria. Depois de dois anos sem nos reunirmos, é ótimo ver que todas as pessoas estão alegres, a se divertirem, e pode ser que daqui a alguns meses a gente volte a fazer mais festas”, resumiu Olga Rodrigues, tesoureira da Casa das Beiras.

 

A expectativa inicial da direção do clube era conseguir abrir a nova sede ainda em setembro para a realização da tradicional Semana Cultural, mas, entretanto, devido a questões burocráticas, como a obtenção de licenças municipais, isso não será possível. Porém a ideia é de que ainda neste ano as atividades sejam retomadas, já em novo endereço, no 115 da Ronald Av., na área de Castlefield- Caledonia. “Há anos já estávamos a receber propostas de vendas. E na altura da pandemia decidimos fechar o negócio. Com o valor que recebemos dessa venda, conseguimos comprar dois prédios na Ronald Av., além do 115 onde funcionará a nova sede, também o ao lado, número 119. Pensamos que será muito bom para a comunidade, terá parque de estacionamento, bom acesso. Foi um negócio que consideramos o melhor”, avaliou Bernardino.

Quem fez questão de ir se despedir e desejar boa sorte e vida longa ao centro comunitário na nova morada foi a MP por Davenport, Julie Dzerowicz, que destacou os bons momentos e explicou como através das celebrações nas Beiras pôde conhecer mais sobre Portugal e os portugueses: “Aqui na Semana Cultural das Beiras eu comi a melhor comida dessa região preparada por chefs que vieram das Beiras. Foi esse ambiente que me inspirou muito também para que eu apresentasse a legislação a nível nacional para celebrarmos junho como o mês da Herança Cultural Portuguesa no Canadá”.

Dizer adeus a um lugar que por mais de duas décadas foi o ponto de encontro da comunidade, e onde tantos eventos culturais foram organizados não é fácil, em especial para aqueles que ajudaram a construir esse legado, como é o caso do presidente: “Houve aqui Semanas Culturais que eu não posso esquecer, o fato de termos trazido tunas universitárias, ranchos folclóricos, chefes de cozinha de Portugal, políticos como presidentes de Câmaras Municipais e outras pessoas que vieram, havia também um intercâmbio que nós organizávamos entre a Casa das Beiras e a região das Beiras, em Portugal, e que pretendemos continuar a organizar. Isso foi fantástico. Há quatro ou cinco anos que organizamos a Confraria Saberes e Sabores, isso impactou a comunidade de uma maneira muito positiva, que a cada edição dessa Semana Cultural e da Noite das Sopas, uma tradição regional, esta casa estava cheia de gente”, relembra emocionado Bernardino.

Para se despedir em alta no domingo (5) à noite foi realizado um fogo de artifício. Uma maneira de celebrar as conquistas alcançadas nessa casa e desejar que as diferentes gerações de portugueses continuem a cultivar as suas tradições e raízes agora em nova morada.

Lizandra Ongaratto/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER