LocalComunidade

10 de junho celebrado virtualmente em Toronto

As comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades portugueses decorreram quinta-feira (10 de junho) em Ontário de forma virtual. A Câmara Municipal de Toronto içou a bandeira portuguesa na presença do presidente da autarquia, John Tory; da vice-presidente luso-canadiana, Ana Bailão e do Cônsul-Geral de Portugal em Toronto, José Carneiro Mendes.

10 de junho celebrado virtualmente em -Toronto-mileniostadium
Ana Bailão e John Tory no hastear da bandeira de Portugal. Crédito: DR.

O município anunciou em parceria com o Little Portugal na Dundas BIA, com o governo português e com a Associação Migrante de Barcelos de Toronto que Julia Prajza é a artista vencedor do concurso “Rooster Project of Barcelos”. O galo vai ter mais de dois metros de altura e vai ser colocado em Setembro no Little Portugal, na interseção da Dundas West com a Lakeview Ave., na Lakeview Ave Parkette. Baião informou que a escolha da data se insere no ano das Public Arts. 

Para Ana Bailão “o projeto mostra a profunda ligação do bairro com a comunidade luso-canadiana. Através dos seus esforços criativos, o artista vencedor vai criar um sentimento de pertença para os luso-torontonianos enquanto celebram o património e a história do Little Portugal em Toronto”.

A chair do Little Portugal na Dundas BIA, AnaBela Taborda, referiu que este galo vai ser colocado em breve na comunidade portuguesa de Toronto “num local central como um símbolo da nossa cultura e de esperança para o futuro”.

O PM Justin Trudeau disse que no mês de Junho o Canadá honra as contribuições que os luso-canadianos fizeram e continuam a fazer e recordou que é importante para os canadianos abraçar e aprender sobre as culturas e heranças que tornam o país forte. O líder do PC, Erin O’Toole também disse que o Canadá tem orgulho em ser a casa para quase meio milhão de canadianos que são descendentes de portugueses.

10 de junho celebrado virtualmente em -Toronto-mileniostadium
Galo vencedor da artista Julia Prajza. Credito: DR.

A Aliança dos Clubes e Associações portuguesas do Ontário (ACAPO) também assinalou a data de forma virtual e homenageou os pioneiros junto ao monumento no High Park; recordou os voluntários no Trinity Bellwoods e prestou tributo a Camões no Camões Square. A presidente da Comissão Ad Hoc da ACAPO, Kátia Caramujo, disse na altura que espera que estas sejam as últimas comemorações virtuais. “Este ano, mais uma vez muda-se o formato e a hora, mas há algo não muda- o sentimento e o orgulho em ser português. Feliz dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, esperamos poder celebrar juntos em breve”.

A ACAPO pretende realizar em setembro a tradicional parada de Portugal em parceria com a LiUNA, a data ainda não está confirmada, mas a intenção é fazê-lo no Labour Day. O Cônsul-Geral de Portugal em Toronto recordou o orgulho que Portugal tem nas suas comunidades dispersas pelo mundo e pelo Canadá e lamentou que a pandemia tenha obrigado a celebrar este dia de uma forma atípica.

Para além de Toronto, as autarquias de Brampton, Kingsville e Vaughan também içaram a bandeira portuguesa. A autarquia de Mississauga cancelou o içar da bandeira portuguesa por causa do ataque de ódio que matou quatro pessoas de uma família muçulmana e que deixou uma criança de nove anos órfã.

Joana Leal/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Não perca também
Close
Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER