EditorialBlog

Mundo louco

Editorial

mundo louco-mundo-mileniostadium
Cartoon by Stella Jurgen

 

A Covid-19 foi ofuscada por um churrasco em Toronto que nos providenciou um vislumbre de aspetos da sociedade que estão a ser ignorados por aqueles que estão no poder. Na terça-feira (24), qual era o objetivo do Adamson BBQ e daqueles que frequentaram o local? Para muitos, não passou de uma desobediência civil, mas na verdade foi muito mais que isso. A mensagem que o proprietário quis enviar para os nossos líderes foi um ato de desespero que representa muitos outros que estão prestes a perder o seu rendimento e tudo aquilo para o qual têm vindo a trabalhar.

A Câmara de Comércio previu que 25% dos negócios com menos de 20 empregados iriam fechar portas ao longo dos próximos meses, devido às regulações impostas. O que se traduz na perda de milhares de postos de trabalho e vidas arruinadas. Como é que se pode ver justiça quando os grandes estabelecimentos estão abertos, incluindo restaurantes interiores, que vendem tudo aquilo que os pequenos estabelecimentos podem vender, mas em vez disso, fecharam-nos. Simplesmente não é aceitável a falta de visão demonstrada pelo poder político, e a falta de liderança deverá ser tida em conta nas próximas eleições. A população está cansada do palavreado conveniente que apenas traz miséria sem apresentar soluções.

Esta semana, o Milénio Stadium olha para o mundo através de um prisma que dispõe opiniões individuais do estado do mundo em que vivemos e os seus efeitos nas nossas vidas. Deveríamos estar preocupados? Certamente que sim. A dissolução da classe média, que beneficia os ricos e leva à criação de mais pobreza, resulta numa sociedade com uma economia desequilibrada que nunca antes vimos.

O desmantelamento de estruturas sociais terá consequências a nível mundial. Podemos ver os Estados Unidos da América como um exemplo, onde milhões de pessoas sem acesso a seguro de saúde e com o desenvolvimento da Covid-19 foram instigadas no caminho para a pobreza. Ser pobre também mata. Os aspetos físicos da morte poderão ser mais lentos, contudo, o equilíbrio mental degenera-se, facultando uma transição rápida para a morte espiritual. São muitos os que sugerem que a saúde deveria ser sempre colocada acima da economia, mas como é que poderemos ser saudáveis sem um emprego que nos ponha comida na mesa, que sustente os nossos corpos? A Oxfam estima que esta pandemia resultará em cerca de 500 milhões de pessoas a juntarem-se à classe mais pobre. Somente em Portugal, existem 21 Bancos Alimentares que mensalmente alimentam 440,000 pessoas. Considerando estas estatísticas e visualizando o mundo, a sugestão é que a próxima guerra será disputada pelos pobres para criar sustentabilidade às suas vidas.

Enquanto lutamos contra a pandemia, é fundamental a criação de uma sociedade justa para garantir o equilíbrio mundial da civilização futura através da coesão social. Não vamos permitir que o Trudeau e os seus comparsas implementem no fórum económico mundial a “Grande Reinicialização” que apenas beneficia os mais fortes a custo dos mais fracos. Fique bem.


Editorial in english

Mad, Mad World
mundo louco-mundo-mileniostadium
Cartoon by Stella Jurgen

 

Covid-19 has been upstaged by a barbequed brisket in Toronto providing a glimpse of aspects in society being ignored by those in power. What was the point being made by Adamson BBQ on Tuesday (24) and those who attended the premises?  To most it was nothing more than civil disobedience, but it was much more than that.  The messaging of the business owner to our task masters was made as a desperate call representing many who are about to lose their livelihood which represents everything they have worked for.

The Chamber of Commerce has predicted that 25% of all businesses with less than 20 employees would be closing over the next few months because of regulations being implemented.  This translates in thousands of job losses and ruined lives.  How can anyone see the fairness where large box stores are open including in-house restaurants, selling everything small establishments can sell but instead they close down the small stores.  The lack of vision being shown by the political establishment is simply not acceptable and the lack of leadership should be fully assessed during the next elections.  People are tired of the convenient verbiage being spewed, bringing misery with no solutions. 

This week Milénio Stadium is looking at the world through a prism which provides individual glimpses on the status of the world we live in and the effects on our lives.  Should we be concerned?  Most certainly.  The dissolution of the middle class benefiting the rich and creating more poverty will result in a society of imbalanced economies never before seen.

The dismantling of social structures will have consequences worldwide.  As an example, we can look to the United States where millions of people have no health insurance and Covid-19 accelerated the path to being classified as poor.  Being poor also kills.  The physical aspect of dying may be slower but the mental equilibrium degenerates providing a quick passage to spiritual demise.  Many suggest that health should always be placed above the economy, but how can you be healthy without a job which puts food in your mouth, which sustains your body?  Oxfam estimates that this pandemic will result in about 500 million people joining the ranks of being poor.  In Portugal alone there are 21 Food Banks now feeding 440,000 people per month.  Using these statistics and visualizing the world, the suggestion is that the next war will be fought by the poor to create sustainability for their lives. 

While we fight the pandemic, the creation of a just society is fundamental to ensure a balanced world with social cohesion for the future of civilization.  Let’s not allow Trudeau and his cronies at the world economic forum to implement the “Great Reset” which only benefits the strong at the peril of the weak.

Be Well. 

Manuel DaCosta

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Não perca também
Close
Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER