DesportoBlog

Cristiano Ronaldo, Luís Figo, José Mourinho e Jorge Mendes na corrida a melhores do Século XXI

Global Soccer Awards

global soccer awards-mundo-mileniostadium
Cristiano Ronaldo somou o sexto troféu em 2019. DR

 

Cristiano Ronaldo e Luís Figo (futebolistas), José Mourinho (treinador) e Jorge Mendes (agente) figuram entre os candidatos a melhores do Século XXI (2001 a 2020) nas respetivas categorias, numa votação que está a ser promovida, desde esta segunda-feira (23), pelos Globe Soccer Awards. CR7 está também entre os oito concorrentes a jogador do ano na Gala Especial, a realizar no Dubai, a 27 de dezembro, que distinguirá ainda o treinador e o clube de 2020.

Cristiano Ronaldo, capitão de Portugal e jogador da Juventus, e Luís Figo estão entre os 28 nomeados para Jogador do Século XXI, numa lista que inclui 13 futebolistas ainda no ativo e 15 que já penduraram as chuteiras, alguns deles seguindo ligados ao futebol como treinadores.

José Mourinho enfrenta a concorrência de nove treinadores na corrida ao melhor do Século XXI, dos quais quatro têm no currículo títulos mundiais de seleções, a saber: Didier Deschamps (França, como jogador e treinador), Joachim Low (Alemanha), Luiz Felipe Scolari (Brasil) e Vicente del Bosque (Espanha). Alex Ferguson e Marcelo Lippi são os únicos que já encerraram as carreiras, ao contrário do português, à frente do Tottenham, e de Carlo Ancelotti (Everton), Pep Guardiola (Manchester City) e Zinedine Zidane (Real Madrid).

Já Jorge Mendes disputará o galardão com mais quatro agentes de topo: o inglês Jonathan Barnett, o israelita Pini Zahavi e os italianos Giovanni Branchini e Mino Raiola.

Relativamente aos melhores de 2020, Cristiano Ronaldo concorre pelo sétimo prémio, quinto de forma consecutiva, enfrentando Ciro Immobile (Lazio), Karim Benzema (Real Madrid), Lionel Messi (Barcelona), Marquinhos (Paris Saint-Germain), Robert Lewandowski e Serge Gnabry (Bayern Munique) e Sadio Mané (Liverpool).

São cinco os treinadores na corrida aos melhores de 2020, três deles alemães: Hans-Dieter Flick (Bayern Munique), Jurgen Klopp (Liverpool) e Thomas Tuchel (Paris Saint-Germain). Os “outsiders” são o italiano Gian Piero Gasperini (Atalanta) e o espanhol Julen Lopetegui (Sevilha).

Bayern Munique, Juventus, Liverpool, Paris Saint-Germain, Real Madrid e Sevilha concorrem a clube do ano.

Será ainda atribuído um prémio carreira a um futebolista.

PRÉMIOS E CANDIDATOS

Jogador do Século XXI (2001-2020)

Andrea Pirlo, Fabio Cannavaro (Itália), Francesco Totti e Gianluigi Buffon (Itália); Andres Iniesta, Iker Casillas, Sergio Ramos e Xavi (Espanha), Andriy Shevchenko (Ucrânia), Arjen Robben (Holanda), Cristiano Ronaldo e Luís Figo (Portugal), David Beckham, Steven Gerrard e Frank Lampard (Inglaterra), Neymar, Ronaldinho, Ronaldo e Kaká (Brasil), Zinedine Zidane e Kylian Mbappé (França), Lionel Messi (Argentina), Luka Modric (Croácia), Manuel Neuer e Philipp Lahm (Alemanha), Mohamed Salah (Egito), Robert Lewandowski (Polónia), Zlatan Ibrahimovic (Suécia).

Treinador do Século XXI (2001-2020)

Alex Ferguson (Escócia), Carlo Ancelotti (Itália), Didier Deschamps (França), Joachim Low (Alemanha), Pep Guardiola (Espanha), José Mourinho (Portugal), Luiz Felipe Scolari (Brasil), Marcello Lippi (Itália), Vicente Del Bosque (Espanha) e Zinedine Zidane França)

Clube do Século XXI (2001-2020)

Al Ahly (Egito), Barcelona (Espanha), Bayern Munique (Alemanha), Juventus (Itália), Liverpool (Inglaterra), Manchester United (Inglaterra), Paris Saint-Germain (França) e Real Madrid (Espanha)

Agente do Século XXI (2001-2020)

Giovanni Branchini (Itália), Jonathan Barnett (Inglaterra), Jorge Mendes (Portugal), Mino Raiola (Itália) e Pini Zahavi (Israel).

Jogador do ano 2020

Ciro Immobile (Lazio, Itália), Cristiano Ronaldo (Juventus, Portugal), Karim Benzema (Real Madrid, França), Lionel Messi (Barcelona, Argentina), Marquinhos (Paris Saint-Germain, Brasil), Robert Lewandowski (Bayern Munique, Polónia), Sadio Mané (Liverpool, Senegal) e Serge Gnabry (Bayern Munique, Alemanha)

Clube do ano 2020

Bayern Munique (Alemanha), Juventus (Itália), Liverpool (Inglaterra), Paris Saint-Germain (França), Real Madrid (Espanha) e Sevilha (Espanha)

Treinador do ano 2020

Gian Piero Gasperini (Atalanta, Itália), Hans-Dieter Flick (Bayern Munique, Alemanha), Julen Lopetegui (Sevilha, Espanha), Jurgen Klopp (Liverpool, Alemanha) e Thomas Tuchel (Paris Saint-Germain, Alemanha)

JN/MS

 

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER