Canadá

Preços dos alimentos devem ter o maior aumento de uma década

Prepare-se para desembolsar muito mais dinheiro no supermercado em 2021. A última edição do Canada Food Price Report foi lançada e prevê o maior aumento de preços de uma década.

O principal autor do relatório diz que “não é novidade” para quem compra, que os mantimentos estão cada vez mais caros. Os aumentos variam entre 3 e 5%, o que significa que para uma família de quatro com dois adolescentes a fatura da alimentação deverá aumentar quase 700 dólares em 2021. Existem entre 75 e 90% de hipóteses do relatório estar certo.

A pandemia afetou o preço dos alimentos, mas não é a única explicação. As mudanças climáticas também foram determinantes para fazer com que o preço dos alimentos disparasse. Os incêndios florestais na Califórnia que causaram estragos no corredor de produção e o aumento dos custos de distribuição fizeram com que o preço dos alimentos seja agora mais caro. Mas a pandemia também mudou a forma como comemos, como compramos mantimentos e até de onde recebemos os alimentos.

Milenio Stadium - toronto - canada grocery-store-produce

 

Antes da COVID-19, cerca de 36% da conta de alimentação de uma família vinha dos restaurantes, agora os canadianos habituaram-se a ir ao supermercado. Mas com a recessão económica o preço vai ser determinante na hora de comprar porque o consumidor vai dar preferência às opções mais baratas e por isso o relatório sublinha que a procura por marcas brancas deve aumentar. Mas a pandemia mudou também a experiência de compra, agora os consumidores são mais disciplinados e focados.

A pandemia fez com que os canadianos desperdiçassem menos e soubessem gerir melhor o seu stock. O autor do relatório não sabe se quando a pandemia terminar o comportamento do consumidor vai voltar ao que era antes porque em nove meses as pessoas têm tempo suficiente para criar hábitos.

As compras online são uma das mudanças que deve permanecer e a indústria também acredita nisso porque vai investir nos próximos cinco anos cerca de 12 mil milhões de dólares para melhorar o serviço de compra online.

CBC/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Não perca também
Close
Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER