Madeira

I Mostra de Artesanato na Calheta

Para já são cinco artesãos, mas a organização da I edição da Mostra de Artesanato tem a firme convicção que este é o primeiro passo para outras edições que possam vir acontecer no município da Calheta, bem como seja o pontapé de saída para uma maior dinamização do sector esmorecido aproveitando o crescimento de turistas que a hotelaria local tem registado para poder acrescentar valor às vendas.

O evento decorre este sábado, a partir das 10h30, junto ao Forno da Cal, na Avenida D. Manuel I, uma oportunidade, segundo Paula Gomes para “promover o trabalho dos artífices como ajuda-los a obter rendimentos extra”, explicou a responsável pela actividade que aproveitou para agradecer à Câmara Municipal o apoio dado à realização do cartaz.

Nesta primeira edição poder-se-ão encontrar peças ligadas à tapeçaria, à cerâmica, ao bordado Madeira, diversos conjuntos de trabalhos concebidos pelas mãos experientes de calhetenses.

De resto, a azulejaria tem sido a marca dos irmãos Paula e Duarte Gomes, com oficina de cerâmica na freguesia do Paul do Mar, uma das poucas existentes na Região. Em 1994, instalou a oficina no rés-do-chão da casa de família, no Paul do Mar. Na década de 2000, o irmão associou-se à iniciativa e desde então a oficina “Azuldesejo” funciona a quatro mãos, produzindo painéis para clientes um pouco por toda a ilha e também para estrangeiros vindos de França, Áustria e Estados Unidos.

Os primeiros trabalhos da oficina foram réplicas dos azulejos hispano-árabes do século XVI, em que as figuras são delineadas através de arestas, que servem para separar as cores dos vidrados. Os clientes começaram por ser turistas, adquirindo sobretudo as réplicas hispano-árabes, entre as quais uma cujo original do século XVI, ao nível do país, só existe no Convento de Santa Clara, no Funchal.

Redes Sociais - Comentários

Fonte
DN Madeira

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER