Açores

Terra Nostra Garden Hotel é um dos três melhores do mundo

É um dos prémios mais cobiçados do mundo e o Terra Nostra Garden Hotel conseguiu-o.

Este ícone da hotelaria açoriana ganhou o maior prémio da noite de anteontem, em Londres, na categoria de “Prémio do Leitor”, como o hotel mais votado entre os leitores do Grupo Condé Nast Johansens.

O Terra Nostra, do Grupo Bensaude, estava nomeado com outros nove hotéis portugueses para estes prémios de excelência da prestigiada Condé Nast, que possui uma revista e é referência mundial nos guias de viajantes, sobretudo no sector do turismo luxuoso.

A cerimónia decorreu no Reino Unido e lá estava presente o Director Comercial do Terra Nostra Garden Hotel, Pedro Salazar.

“É um prémio importantíssimo, o mais ambicioso, por isso é que o deixamos para o final da cerimónia”, disse Charlotte Evans, da direcção do grupo editorial.

Mas não foi recebido com surpresa por Pedro Salazar, confessa o próprio ao “Diário de Notícias”.

O segundo prémio consecutivo

Afinal, esta é a segunda vez consecutiva que o hotel é galardoado na mesma categoria. “Não é uma surpresa no sentido em que nós sabemos que é para isto que trabalhamos todos os dias: fazer deste lugar um símbolo português”.

E o Director Comercial não tem dúvidas de que este local “está praticamente para os Açores como o Pico está para o arquipélago”. “Os açorianos sentem orgulho neste espaço”, diz.

Nomeado para os Condé Nast Awards for Excellence desde 2017 e com entrada na Condé Nast Johansens em 2016 como primeiro representante dos Açores, o Terra Nostra Garden Hotel junta este galardão ao recebido em 2017 como “Best countryside Hotel”, e ao “Readers’ Choice” em 2019.

O mais antigo hotel dos Açores em funcionamento, é envolvido pelo Parque Terra Nostra, um ícone de São Miguel e dos Açores, que o torna um espaço mítico e uma referência de excelência turística.

Prova disso, são os inúmeros prémios que tem vindo a ganhar desde a sua remodelação em 2013.

Numa nota enviada ontem ao nosso jornal, o Grupo Bensaúde diz que “o hotel está, portanto, cada vez mais presente no Olimpo do Turismo Mundial, posicionando-se ao lado das maiores referências da hotelaria mundial e levando o nome dos Açores mais além”

Os outros premiados portugueses

Antes, a Torre de Gomariz Wine & Spa Hotel, no Minho, nomeada para “Melhor Hotel Rural”, também ganhou o troféu, bem como o Olissippo Lapa Palace Hotel, em Lisboa, na categoria de “Melhor Hotel Urbano”.

Os três são considerados, pela Condé Nast Johansens, os melhores hotéis portugueses e do mundo.

Entre as nomeações, foi a capital que surgiu mais representada na lista portuguesa.

Além dos vencedores, concorria com o Hotel Albatroz (em Cascais), na categoria de “Melhor para iniciantes ou de regresso à cena”, com o The Vintage Hotel & Spa, para “Melhor pelo valor de luxo”, e ainda o Santiago de Alfama Hotel, na categoria de “Prémio do Leitor” – concorrendo com o português vencedor Terra Nostra Garden Hotel.

Já o Algarve concorria com dois hotéis, em duas categorias: o Tivoli Marina Vilamoura Algarve Resort, para “Melhor para reuniões ou conferências”; e o Vila Joya Home, Restaurant & Spa, “Melhor na experiência gastronómica”.

Este ano, os prémios atribuídos pelo grupo editorial Condé Nast Johansens incluíram uma nova categoria, para “o melhor na acessibilidade dos quartos e casas de banho”.

Todos os nomeados foram escolhidos com base nos votos de leitores, de especialistas locais e do quadro directivo do grupo editorial.

Diário dos Açores

Redes Sociais - Comentários

Fonte
Diário dos Açores

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER