Açores

Seis navios cruzeiros em Ponta Delgada

Os próximos três dias serão de grande movimento turístico em Ponta Delgada com a escala de seis navios de cruzeiros, três dos quais vão estar no porto de Ponta Delgada, ao mesmo tempo, na Segunda-feira.

Amanhã será a vez do terminal de cruzeiros das Portas do Mar receber a visita do pequeno paquete de expedição Bremen, da famosa operadora alemã Hapag Lloyd, que nesta cidade inicia um interessante cruzeiro de 15 dias entre esta cidade e Hamburgo, contemplando inicialmente escalas nas ilhas do Pico, Faial, Graciosa e Terceira, antes de prosseguir a sua viagem com destino ao norte da Europa.

Três navios na Segunda-feira

Na Segunda-feira teremos três navios de cruzeiros em Ponta Delgada, que, por certo, trarão a Ponta Delgada um movimento muito interessante de visitantes. Realce para as duas escalas inaugurais que nesse dia ocorrerão com as visitas do Celebrity Refletion e Nieuw Statendam.

A primeira escala inaugural do dia será preconizada pelo Ceclebrity Refflection, o último navio da conceituada classe Solstice a ser construído para a Celebrity Cruises, uma das empresas “premium” do grupo Royal Caribbean International.

A escala em Ponta Delgada faz parte do itinerário “estbound” de 14 noites, iniciado no dia 22 em Fort Laudardale, na Flórida e que irá terminar a 6 de Maio, em Dublin, na Irlanda, depois das escalas nos Açores, Cork e Liverpool. Construído nos estaleiros alemães de Meyer Werft, foi entregue à companhia em Outubro de 2012, sendo o seu custo de 750 milhões de dólares.

Em relação aos restantes quatro navios desta classe apresenta algumas alterações, em virtude de possuir mais um deck e ser um pouco maior. A outra escala inaugural é preconizada pelo luxuoso Nieuw Tatendam, o segundo navio da Pinnacle-Class, construído para Holland America Line.

Esta paragem na nossa cidade é a primeira de um cruzeiro de 13 noites e que leva este já famoso paquete desde Fort Laudardale, na Florida, porto base da companhia durante o Inverno, até ao porto italiano de Civitavecchia, incluindo igualmente no seu trajecto escalas em Málaga e Cartagena, em Espanha. Inaugurado em Dezembro de 2018, foi construído nos estaleiros italianos de Fincantieri, em Marghera, tendo sido a sua madrinha a conhecida e famosa Oprah Winfred. Tal como o seu irmão gémeo Koningsdam, a sua decoração é muito sóbria, onde impera os tons claros e muito sóbrios.

Os arquitectos e os designers de interiores preocuparam-se em transmitir ao navio um ambiente muito luxuoso e apelativo, muito apropriado ao tipo de passageiros que normalmente procuram os navios da HAL. Em resumo, mais um excelente navio de cruzeiros que, embora tenha poucos meses de existência, tem merecido rasgados elogios dos críticos da especialidade.

O terceiro visitante do dia será o paquete Oriana, da P&O Cruises, que escala Ponta Delgada e no dia seguinte a Praia da Vitória, no âmbito dum itinerário de 16 noites, pelo denominado “Corredor do Atlântico”, que contempla igualmente paragens nas cidades do Funchal, Sta. Cruz de La Palma, Gran Canaria, Fuertoventura e Lisboa. Inaugurado em 1995, o Oriana foi construído nos estaleiros alemães Meyer Werft, em Papenburg. Apesar de ser o mais antigo navio da frota da P&O Cruises, é também o mais rápido, uma vez que detém o troféu Golden Cockerel, prémio que lhe foi atribuído por ter atingido a velocidade de 26,2 nós.

Sucedeu, assim, ao emblemático Canberra, que durante largos anos foi o detentor daquela distinção. No final do corrente ano este paquete deixará a frota desta operadora britânica e rumará para a Ásia, em virtude de ter sido adquirido por um operador daquele continente.

Mais dois navios na Terça-feira

As escalas da Abril terminam em Ponta Delgada na terça-feira com a paragem nesta cidade de mais dois navios de cruzeiro. O primeiro visitante será o Azamara Journey, um dos três navios que compõem a frota da conceituada operadora norte-americana Azamara Club Cruises, uma das empresas “premium” do grupo Royal Caribbean International.

Esta passagem na nossa ilha e no dia anterior na cidade da Horta insere-se num cruzeiro de 12 noites que se inicia no dia 21 em New York e irá terminar em Lisboa no próximo dia 2 de Maio, contemplando um paragem em Hamilton, na Bermuda.

Foi o sexto de oito navios idênticos da classe R (Renaissance) e recebeu precisamente a designação R6. Navegou, igualmente, como Blue Dream, então ao serviço da Pullmantur, e em 2007, já integrado na Azamara, foi baptizado com o actual nome. Intimista, requintado e acolhedor são alguns dos predicados que caracterizam este navio da Azamara Club Cruises, operadora do grupo Royal Caribbean.

O outro navio a chegar será o Vision of the Seas, primeiro navio da popular “Vision Class”, da conhecida operadora norte americana Royal Caribbean International, que estará em Ponta Delgada numa escala englobada num cruzeiro posicional de 16 noites, entre a cidade de Galveston, no Texas, e Barcelona. Para além de Ponta Delgada contempla paragens em San Juan de Puerto Rico, Málaga, Alicante e Palma de Maiorca.

Construído nos estaleiros Chantiers de l’Átlantique em St Nazaire, França foi inaugurado em 1998. Possui 78.491 toneladas de arqueação bruta, 279 metros de comprimento, 32,2 metros de boca e 7,7 metros de calado. Tem capacidade para alojar 2.435 passageiros em ocupação máxima, sendo a sua tripulação composta por 765 elementos.

Redes Sociais - Comentários

Fonte
Diário dos Açores

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER