ÁfricaBlog

Arqueólogos encontram múmia com língua dourada

Arqueólogos encontram múmia com língua dourada-africa-mileniostadium
Creedito: DR.

Uma expedição arqueológica da República Dominicana encontrou uma múmia com uma língua dourada e com cerca de dois mil anos no sítio arqueológico Taposiris Magna, construído no delta do Nilo, no Egito. A descoberta foi anunciada pelo Ministério do Turismo e Antiguidades egípcio nas redes sociais.

Segundo o grupo de investigadores, liderado pela arqueóloga Kathleen Martinez da Universidade de Santo Domingo, o amuleto de ouro terá sido colocado no corpo como um ritual para permitir que o espírito conversasse com os deuses.

De acordo com a publicação, no templo Taposiris Magna, a 45 quilómetros de Alexandria, foram descobertas, no total, 16 sepulturas escavadas nas rochas, populares nas eras grega e romana. No interior, encontravam-se várias múmias em “mau estado de conservação”, muitas delas decoradas artesanalmente após o enterro.

Na mão de duas múmias, por exemplo, existiam fragmentos de pergaminhos que remetiam ao deus Osíris, considerado uma das figuras mitológicas mais importantes do Egito. Além disso, foram recuperadas várias estátuas que retratam as pessoas que foram enterradas naqueles locais.

Leia também: 6 descobertas científicas da décadas.

“Vale ressaltar que durante os últimos dez anos a missão encontrou um importante grupo de descobertas arqueológicas que mudaram a nossa perceção do Templo de Taposiris Magna, onde uma série de moedas com o nome e a imagem da Rainha Cleópatra VII foram encontradas dentro das paredes do templo”, é possível ler nas redes sociais do ministério egípcio.

JN/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER